quarta-feira, 19 de março de 2008

Tempo

Tempo, sou seu.
Faço de tu meu guia.
Se passas rápido demais,
Recuarei.
E se ficar lento,
Mais ainda parar ei.

Finalmente te encontro,
E o seu amigo, o espaço,
Mostra-se junto.

Os paradoxos
Deixaram de me variar,
Pois você, ó tempo,
Está no espaço,
E eu em você.

3 comentários:

Shakadal disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
RAMOSFOREST.ENVIRONMENT disse...

Tempo, espaço e emoção.

Gardagami disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.